fbpx
Ir para o conteúdo
Dieta

Salada antes da refeição para emagrecer

Leitura: 6 min
4975 visualizações

Quem quer emagrecer deve comer a salada antes da refeição, já que ela dará mais saciedade e fará com que você coma menos na hora do prato principal.

Se o seu objetivo for o emagrecimento, certamente o melhor é consumir a salada antes das refeições. Além de proporcionar saciação pelo volume que ocupa no estômago, a salada prolonga o tempo de mastigação.

A mastigação por cerca de 20 minutos é necessária para a sinalização de saciedade no sistema nervoso central. Com a sinalização ativada, a chance de se reduzir os alimentos consumidos na refeição principal é maior. Além disso, essas fibras consumidas antes auxiliam a digestão da refeição principal, pois demora mais para ser digerida.

Agora, se o seu objetivo não for necessariamente o emagrecimento nem a manutenção de peso, o momento de consumir a salada não fará grande diferença. Já para os indivíduos que buscam o ganho de peso ou que possuem falta de apetite, por exemplo, consumir a salada antes da refeição ou mesmo em grande quantidade pode não ser interessante, devendo-se inverter a ordem: refeição antes e salada depois.

Os benefícios da salada

A salada é muito importante, pois é rica em minerais e vitaminas, as quais são essenciais para o bom funcionamento do organismo e previnem diversas doenças. É benéfica também, pois auxilia o controle do peso, que é uma das principais preocupações das pessoas.

Para quem deseja emagrecer, comer a salada antes, mastigando-a bem, ajuda a consumir menos do restante da comida. As pessoas que deixarem a salada por último, consequentemente irão comer menos salada, o que serve para quem deseja ganhar peso. É recomendado que você coma um prato de salada antes do almoço e antes do jantar. Após o prato de salada, espere vinte minutos e comece a almoçar ou jantar.

Para quem está interessado, além de ter uma alimentação saudável, manter a forma ou emagrecer, uma observação: a salada pode engordar. Depende muito do molho que você irá colocar nela, afinal um dos principais ingredientes para temperar uma salada é o azeite, que engorda, pois possui muitas calorias. A salada sacia, por isso é aconselhável comê-la primeiro, para quando chegar ao prato principal, você não comer tanto. Ela ajuda a digerir melhor o alimento, e também é um simples quesito de etiqueta.

As vantagens de comer salada

As vantagens de comer salada são:

  • Controle da glicose no sangue: Alguns tipos de fibras auxiliam na redução da absorção de glicose pela corrente sanguínea, tornando-a mais homogênea, constante e aumentando a sensação de saciedade;
  • Menor exposição às alergias. Os alimentos industrializados e de origem animal possuem substâncias que podem provocar alergias;
  • Mais salada pode significar menos alimentos calóricos: Há a possibilidade de aumentar a sensação de saciedade porque exige mais mastigação;
  • maior estimulação e mais produção do suco gástrico: Importante para a digestão dos alimentos, contribuindo, assim, para a melhoria das funções digestivas;
  • Maior aproveitamento das fibras e melhora da função intestinal: As fibras contidas nos vegetais normalmente ganham volume durante a digestão.

Caso deseje emagrecer, confira o artigo “Tomar chá verde ajuda a emagrecer” e adquira já o “Chá verde solúvel da Sanavita”.

A salada como prato principal

A salada é boa e nutritiva, mas é uma entrada. A salada só pode deixar de ser entrada para ganhar “status” de refeição quando satisfaz a seguinte regra: tem que ter um alimento de cada grupo.

O grupo dos reguladores já está explícito, são as próprias hortaliças da salada. O grupo dos alimentos construtores pode ser representado por um queijo magro, peru, frango, atum, kani desfiado ou ovo cozido. Já o grupo dos energéticos pode aparecer na salada como crouton, batata cozida, milho, feijão, entre outros.

Ou seja, se a salada incluir todos os grupos alimentares, ela pode equivaler a uma refeição, pois vai atender as necessidades nutricionais daquele momento.

Conclusão

A salada é uma ótima fonte de fibras, vitaminas e minerais que são essenciais para o bom funcionamento do organismo e previnem contra diversas doenças. Além disso, ela auxilia no controle do peso. A variedade é enorme e não é preciso ficar no tradicional alface e tomate.

Para emagrecer, o melhor é comer antes para ficar mais saciado e, consequentemente, ingerir menos proteínas, gorduras e carboidratos, que são mais calóricos. Por outro lado, quem deseja ganhar peso, pode deixar a salada por último, uma vez que o prato principal já terá dado conta da fome.

A salada é só uma parte da refeição. Por isso, se você tem um objetivo de emagrecer ou engordar o melhor é procurar a orientação de um nutricionista para criar um cardápio adequado e que forneça todos os nutrientes necessários. Sem contar a atividade física que é essencial para manter a saúde em dia. Caso deseje emagrecer, confira o artigo “Café verde: consumir cápsulas ajuda a emagrecer” e adquira já o “BEA Café Verde, da Beavita”.

Recomendado para você:

Postagens mais vistas: