fbpx
Ir para o conteúdo
Plano de Saúde para Empresas

Benefícios salariais e retenção de funcionários: entenda a relação

Leitura: 4 min
288 visualizações

Existem empresas que, inevitavelmente, possuem uma alta rotatividade de funcionários. O seu negócio já esteve em um cenário assim? Então, você sabe a quantidade de recursos que são mobilizados nessas situações. Os custos envolvem desde entrevistas de emprego até treinamentos para novos trabalhadores. E esse é o principal motivo pelo qual a retenção de funcionários é um investimento, e não um gasto supérfluo.

As últimas estatísticas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nos apresentam dados interessantes. Em uma década, quase duplicamos o número de brasileiros com diploma universitário. Isso nos mostra que estamos nos especializando mais, e que o mercado de trabalho está se tornando mais capacitado.

A alta na capacitação, por sua vez, aumenta a procura das empresas por mão de obra qualificada — e, consequentemente, a necessidade de investir na retenção de funcionários.

Nos aprofundaremos, a seguir, sobre os benefícios que uma retenção otimizada de funcionários pode trazer. Em seguida, explicaremos porque os benefícios salariais podem contribuir positivamente na saúde financeira da empresa. Continue a leitura para saber mais!

Quais são os benefícios da retenção de funcionários?

A capacitação técnica é apenas um dos fatores que impactam sobre um trabalho bem feito. Pense no seu dia a dia e nos problemas que enfrenta na sua empresa. Reflita: eles acontecem devido a dificuldades técnicas de seus funcionários ou a desentendimentos interpessoais?

A Forbes nos dá a resposta. Segundo ela, 23% das pequenas empresas que declaram falência apresentam atritos dentro da equipe. Por isso, é importante não apenas trabalhar com quem executa corretamente o serviço. Devemos também valorizar os funcionários, apostando em uma convivência harmoniosa.

Por que os benefícios salariais são um investimento?

A manutenção de funcionários na empresa gera custos. Desde pagamento de impostos até o próprio salário dos trabalhadores — uma série de fatores financeiros para levar em consideração. Da mesma maneira, a retenção de funcionários demanda recursos, como o fornecimento de planos de saúde e benefícios como vale-transporte.

Analisando os benefícios da retenção de funcionários, no entanto, temos um novo fator a ser levado em conta: a interação com a equipe. Em qualquer setor, acostumar com novos membros gera uma queda na produtividade, por isso ela pode ser apenas transitória, mas também pode ser permanente, cuidado!.

Como realizar a retenção de maneira eficaz?

Já compreendemos que a retenção de funcionários é benéfica e traz estabilidade — financeira e produtiva — para a empresa. Existem algumas estratégias que são utilizadas comumente pelas empresas.

Você deve ter em mente que a maioria dos trabalhadores procuram alternativas aos empregos atuais. Mesmo que não pensem em mudar no momento, essa opção os fornece segurança em caso de uma demissão, por exemplo.

Por isso, seu objetivo é destacar os fatores positivos para ele se manter na sua empresa. Como o fato de o colaborador morar perto do trabalho, por exemplo: ele não vai querer trocá-lo por um serviço mais distante. Além de estratégias como concessão de benefícios, entre eles:

  • vale-transporte;
  • vale-alimentação; e
  • planos de saúde.

Se você se interessou e deseja aumentar a retenção de funcionários em sua empresa, investir nesses adicionais pode ser uma boa opção.

Para saber como o site planodesaude.net.br pode ajudar a sua empresa, entre em contato conosco!

Recomendado para você:

Postagens mais vistas: