fbpx
Ir para o conteúdo
Cobertura dos Planos de Saúde Exames Plano de Saúde para Crianças

8 Exames para Crianças que o Plano de Saúde Deve Cobrir

Não dá pra descuidar da saúde do filho. Quando se trata de prevenção, o melhor é contratar plano de saúde para realizar exames para crianças.

Leitura: 12 min
1045 visualizações

Os pequenos sempre precisam de cuidados especiais. A saúde da criança, principalmente quando ainda são bebês, é bastante delicada e requer uma atenção maior e mais direcionada, por esse e outros motivos, os exames para crianças são tão indispensáveis.

Mas o que acontece é que ninguém pode pagar por exames tão caros e a melhor maneira para cuidar da saúde dos pequenos é contratando um plano de saúde para ele.

Mas você sabe quais os exames laboratoriais indispensáveis para seu filho fazer e que seu plano de saúde tem que cobrir?

Atenção para cobertura dos Planos de Saúde para os Exames para Crianças

Ao buscar um plano de saúde para seu filho, o mais sensato a ser feito é ver a possibilidade de um serviço de acordo com as necessidades dele.

Por serem caixinhas de surpresa, quanto mais completo o perfil de atendimento, melhor. Saber quais os principais exames realizados por crianças, ajuda bastante na escolha do melhor plano de saúde para seu filho.

Antes de fechar contrato, converse com um consultor de plano de saúde e tire todas suas dúvidas em relação à cobertura e se certifique que seu filho estará resguardado para fazer todos estes exames para crianças.

Para te ajudar a saber quais exames indispensáveis para seu pequeno fazer e que seu plano deve cobrir, montamos uma lista bem especial com os 8 principais, confira.

exames para crianças

1. Testes para bebês

Ao nascerem, os bebês passam por uma série de testes para verificar como está sua saúde e saber se é preciso algum tratamento médico de imediato.

Algumas doenças podem ser identificadas já no primeiro dia de vida e facilitam a cura. Os testes mais populares são:

Teste do pezinho

Esse é um dos exames para crianças e é feito com a retirada de uma dosagem de sangue do pé do bebê e ajuda a identificar diversos problemas de saúde relacionados à atividade metabólica da criança.

Incluem-se nessa lista riscos do pequeno desenvolver deficiência mental, hipotireoidismo, anemia ou qualquer outra doença relacionada às células vermelhas do sangue.

O Teste do pezinho pode ser feito na primeira semana de vida do bebê e não deve ultrapassar esse prazo. Em alguns hospitais, o recém-nascido já passa por esse teste antes mesmo de ter alta para ir para casa com os pais.

Teste do reflexo vermelho

Também faz parte dos exames para crianças e é popularmente conhecido como o Teste do Olhinho, sendo feito para medir algum tumor maligno alojado na região do olho, retinoblastoma, catarata, glaucoma congênito ou qualquer outro problema relacionado à visão do bebê.

Esse teste é muito importante porque muitas dessas doenças ficam inibidas por anos e só são descobertas em estágios mais avançados.

O Teste do Reflexo Vermelho deve ser feito com, no máximo, 48 horas após o nascimento da criança. É um exame simples, com o procedimento semelhante a qualquer outro exame simples oftalmológico.

É usado um oftalmoscópio e demora apenas alguns poucos minutos. Esse exame também é comumente feito antes da liberação da criança.

Teste da orelhinha

Se o seu filho nascer com algum tipo de deficiência auditiva, ela será facilmente e precocemente identificada através do Teste da Orelhinha.

Outro dentre os exames para crianças, ele pode ser feito com um pouco mais de tempo do que os anteriores, tendo os pais um prazo de até três meses após o nascimento do bebê para realizar a medição.

É um exame rápido, feito com um fonoaudiólogo que usa um fone próprio para recém-nascidos na faixa etária determinada.

Ele medirá a audição da criança a partir do disparo de diversos sons e observará a reação do bebê. Esse exame vale muito para evitar problemas na fala do seu filho e na reversão prematura de algum problema na audição.

2. Exame oftalmológico

Muitos pais não se atentam de procurar um oftalmologista para examinar seus filhos ainda pequenos.

Na verdade, todos nós só prestamos atenção nesse detalhe quando sentimos dificuldade de enxergar e ainda tem muitos adultos que sequer passaram por uma análise para saber se precisam ou não usar óculos ou fazer alguma correção na visão.

Contudo, se faz importante já no primeiro ano do seu filho, levá-lo para fazer esse tipo de exame. O médico analisará e indicará o melhor tratamento caso seja necessário.

Problemas como a miopia, o astigmatismo e a hipermetropia podem, inclusive, serem revertidas quando descobertas nos primeiros anos da criança.

Procure um oftalmologista de confiança entre o primeiro e o terceiro ano de seu filho e, de preferência, mantenha a regularidade de anualmente retornar para fazer uma revisão.

3. Radiografia Panorâmica da coluna vertebral

Se o seu filho sofre de escoliose ou tem uma tendência a desenvolver esse problema, ele pode ser identificado logo nos primeiros anos de vida e ser tratado precocemente.

A Radiografia Panorâmica também é válida para identificar os problemas já existentes, mas que se encontram ainda com sintomas mais inibidos.

O mais indicado é realizar esse raio X pelo menos uma vez por ano, com exceção de casos onde o seu filho chegar a reclamar de dores na coluna.

Por ser um exame mais simples, ele é facilmente liberado pelos planos de saúde.

Não há uma idade mínima para realizar o primeiro exame, mas crianças muito pequenas e que se encontram ainda nos primeiros anos de vida, onde os ossos continuam se desenvolvendo, podem não apresentar resultados. O ideal é procurar fazer a Radiografia Panorâmica a partir dos 5 anos de idade.

exames para crianças

4. Hemograma Completo

A análise das células feita a partir do hemograma completo deve ser mantida por toda a nossa vida.

Os pequenos acabam por precisar um pouco mais dessa atenção devido a diversas disfunções do organismo ainda em formação definitiva.

É feita uma análise das condições das células vermelhas e brancas da criança e também a contagem de plaquetas.

O exame detecta imunidade deficiente, bactérias que podem ou já causaram alguma infecção no organismo do seu filho, anemia, infestações de parasitas, leucemia e até mesmo pequenas alergias.

O exame é bem simples, sendo feita a coleta do sangue em um laboratório e analisado o líquido a fim de identificar o problema.

Comumente deve-se fazer o hemograma a partir dos 2 anos de idade e pelo menos uma vez por ano. Por ser um exame laboratorial, o prazo de carência dos planos de saúde é bem pouco.

5. Exame de fezes e urina

Mais um dos exames para crianças, e estes, assim como o hemograma completo, podem ser feitos a partir de determinada idade da criança.

Diferente de outros exames dessa lista, colher as fezes da criança só será feita em caso de necessidade aparente.

Esses exames para crianças não é um exame preventivo, mas de constatação. Caso o pediatra da criança sinta que há algo errado com o pequeno e precise medir as taxas do seu filho, então se faz necessário o pedido do exame.

6. Eletroforese de lipoproteínas

O nome pode parecer um pouco estranho, mas esse exame é bastante importante para toda a criança.

Com a falta de uma alimentação regular e nutritiva de fato, é cada vez mais comum o desenvolvimento de problemas de saúde relacionados ao colesterol dos pequenos.

Essas anomalias acabam por atingir também o coração e elevar o risco de doenças cardiovasculares precocemente.

A Eletroforese de Lipoproteínas vai medir as taxas de colesterol do seu filho, assim como a taxa de triglicerídeos a fim de identificar hipertensão arterial, doenças no coração ou na circulação sanguínea, facilidade de desenvolvimento da obesidade infantil e muitas outras doenças.

A cada ano deve ser feita uma nova medição, mas se a criança já for gordinha, esse prazo cai para seis meses de intervalo.

7. Ureia e Creatinina

A principal razão para a realização desse exame é avaliar a função dos rins da criança e analisar se não há nenhum risco de doença a longo ou curto prazo.

Essas duas substâncias estão presentes na nossa corrente sanguínea e se faz necessária a medição a cada ano a fim de evitar o aumento do nível de ambas e, consequentemente, o desenvolvimento de alguma doença no órgão.

O exame de Ureia e Creatinina permite uma medição aprimorada e bastante eficiente. É mais indicado para crianças um pouco maiores, a partir de 6 anos de idade. Faixa etária menor do que essa somente sob cuidados médicos.

exames para crianças

8. Perfil Lipídico

O Perfil Lipídico ou Lipidograma, é uma medição que, assim como a Eletroforese de Lipoproteínas, mede o nível de colesterol e toda a gordura do corpo.

O benefício é saber como tais taxas estão agindo contra e a favor da atividade metabólica da criança e se apresentam-se riscos de desenvolvimento de diabetes ou outras doenças.

O perfil lipídico já pode ser feito desde os primeiros anos de vida e a revisão deve acontecer a cada ano.

Caso o seu filho seja gordinho, é importante retornar ao médico a cada seis meses para verificar essa taxa e ver se não há riscos maiores para a saúde do pequeno.

Para finalizar

A realização de exames periódicos e de acordo com a faixa de idade do seu filho é importante mesmo que ele aparentemente não apresente nenhuma irregularidade com a saúde.

Em muitas situações, exames para crianças também podem ser utilizados para prevenir o desencadeamento de alguma irregularidade e evitar que a criança sofra com algum problema de saúde no futuro.

Então esses exames para crianças acima e muitos outros são importantes sempre! Não deixe de consultar o pediatra do seu filho para verificar a necessidade de cada um desses e de muitos outros que não entraram na lista.

Os planos de saúde cobrem os exames citados e você precisa apenas entrar em contato com a operadora para verificar os prazos hábeis de carência.

Quer receber uma tabela de preços de um plano de saúde sem sair da sua casa? Clique aqui, preencha seus dados e aguarde o contato de um dos nossos consultores.

Carine
SOBRE O AUTOR: Posts desse autor

Carine Vasconcelos

Editora Chefe da empresa Bannet, formada em Publicidade e Propaganda, há mais de 6 anos, pela Faculdade Cearense, e apaixonada por conteúdo. Atua na área de Marketing e Produção Textual há quase 10 anos e acredita que, para termos sucesso em qualquer área, é preciso sermos felizes no caminho, afinal o amor pelo que fazemos é força motriz para atingirmos a excelência.

Recomendado para você:

Postagens mais vistas: